quinta-feira, 13 de agosto de 2015

UM ACOMPANHANTE PARA AS EMERGÊNCIAS


UM ACOMPANHANTE PARA AS EMERGÊNCIAS

Jenny Forrest estava convencida de que no mundo todo havia uma conspiração contra as pessoas solteiras.

Solução: encontrar alguém do sexo oposto - relativamente atraente apresentável e que não estivesse interessado em um relacionamento sério - para agir como acompanhante de emergência na linha de defesa contra familiares curiosos, ex-namorados petulantes e os bem-intencionados amigos que gostavam de bancar o cupido.
É aí que entra em cena Ken Parks: alto, bonito, charmoso, inteligente e, melhor ainda, o tipo de homem que não pretende se envolver seriamente com ninguém. Em resumo, um acompanhante de emergência perfeito! Ou pelo menos era o que Jenny acreditava, até perceber que os beijos de Ken eram inesquecíveis e que o brilho em seus olhos acinzentados fazia-lhe mil promessas de amor.


5 comentários:

  1. Curto, simples e doce.... falou tudo que precisava, e o Ken, um romântico a moda antiga.... Também ouço musica qdo o assunto é amor, sinos tocam..

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. História simples e mais realista, além de muito romântica!

    ResponderExcluir
  4. Simples,romântico...com uma pitadinha de humor...gostei mto....

    ResponderExcluir